Empreendedorismo

Como o MEI pode comprovar renda? Veja 4 formas possíveis

Você que é um Microempresário Individual (MEI) ou pretende se tornar um, já pensou como um profissional enquadrado como MEI faz para comprovar sua renda?
Tempo de leitura: 5 minutos
Como o MEI pode comprovar renda

Se você deseja saber exatamente como os microempreendedores individuais comprovam seus rendimentos, principalmente nos casos de empréstimos e financiamentos, ou mesmo na hora de alugar um imóvel, ou quem sabe ainda abrir uma conta corrente, fique conosco, vamos ver isso em detalhes neste artigo!

Como o MEI comprova renda?

Basicamente existem quatro maneiras alternativas em que o MEI pode usar para comprovar os seus rendimentos:

1- Extrato bancário;
2- Decore;
3- Contratos de prestação de serviço;
4- Declaração do Imposto de Renda.

 

Comprovação de renda para MEI através de extrato bancário

 

O Microempreendedor Individual pode comprovar sua renda por meio do extrato de sua conta corrente. Em muitos casos, o MEI depende de uma demonstração financeira completa e detalhada dos meses anteriores, quando a intenção é obter um empréstimo, por exemplo.

Extratos com transações de investimento também podem até ser usados, porém, a assinatura do seu gerente de conta pode oferecer ainda mais veracidade do que apenas o extrato financeiro obtido no caixa eletrônico ou pela internet.

 

MEI - comprovação de renda para com o Decore

 

A sigla Decore significa Comprovante de Percepção de Renda, este documento só pode ser elaborado e emitido por contadores, e sempre deve ser lastreado em outros documentos que comprovem oficialmente a receita do MEI.

Por exemplo, esses documentos do MEI podem ser exigidos pelo seu contador para elaborar o DECORE:

- Livro caixa da empresa;
- Faturas de cobrança emitidas;
- Declaração anual do MEI;
- Recibo de pagamento autônomo (RPA);
- Guias individuais de pagamento de contribuição previdenciária.

Para obter o Decore, o Microempreendedor pode escolher a quantidade de tempo (período) que será usada na elaboração do comprovante, por exemplo, 12 meses ou menos. Durante esse processo, o MEI deve apresentar a documentação comprobatória da sua receita bruta ao contador.

Uma vez que o Decore será especificado por período, basta ter a autenticação de um contador, devidamente autorizado pelo conselho regional da categoria, que será  emitido o documento para comprovar os rendimentos.

 

O MEI também pode comprovar renda com os contratos de prestação de serviço

 

O microempreendedor individual que é prestador de serviço pode utilizar seus contratos, firmados com outras empresas, como comprovante de renda, desde que a instituição financeira aceite esses documentos para o fim proposto.

Muitas vezes, estes contratos são aceitos  com outros documentos  adicionais, que servem para uma análise mais detalhada, por parte do banco, sobre os rendimentos do MEI.

 

Declaração do Imposto de Renda do MEI

 

O MEI ainda pode usar sua Declaração de Imposto de Renda entregue à Receita Federal como uma espécie  de reforço  na hora de comprovar renda, porém, a apresentação do IR (imposto de renda), mostra apenas os resultados dos últimos meses ou talvez do ano anterior, por isso acaba sendo um tanto raro que esse tipo de documento seja aceito ou solicitado pelas instituições bancárias.

 

Veja também

- BNDES oferece cartão de crédito com juros baixos para MEI
- MEI poderá abrir pequenos negócios sem alvará a partir de setembro
- Como conseguir mais clientes. 15 dicas para conquistar mais clientes para o seu negócio

 

 

...

Luis Carlos Weber
Author: Luis Carlos WeberWebsite: https://bit.ly/3eLkTtK
Editor do eZoop! Ceo da MarkupEmpresa Sistema de Gestão. Entusiasta das novas tecnologias. Sempre com um novo projeto na cabeça.

Topo