• Pesquisar
  • Abrir menu

Uma moto elétrica com visual agressivo e motor de 108 cv

Modelo está na fase final dos testes e promete autonomia de até 300km.
Tempo de leitura: 4 minutos
moto elétrica com visual agressivo e  motor de 108 cv

A Verge, empresa finlandesa, trabalha já há algum tempo com motocicletas elétricas com tração sem cubo, a empresa conhecida como Polaris RMK, fundada em 1996, ganhou experiência na fabricação de motos de neve.

No caso da Verge TS, que ainda está em fase final de testes, apresenta uma configuração muito simples, porém, complexa, por mais estranho que isso possa parecer, a parte principal do sistema é sustentado por uma espécie de braço oscilante, ao passo que a parte externa fica girando em torno desse braço, como se estivesse sobre trilhos.

Veja também

- Tudo sobre a HONDA NC750 2021
-
 Speeder: primeiro teste da moto voadora

Quando acionados pelo motor, os eletroímãs dentro do aro se repelem, fazendo com que a superfície do aro gire, empurrando a moto para frente, a única desvantagem do sistema é que ele requer um aro grande portanto, precisa de um pneu traseiro realmente largo.

Sem corrente, correia e nem mesmo uma caixa de câmbio

Detalhe do sistema de transmissão da motocicleta fabricada pela Verge. Foto divulgação.

 

Como não há corrente, correia e nem mesmo uma caixa de câmbio para controlar a força, a fabricante explica que é um sistema muito eficiente para impulsionar a moto e acrescenta que a troca do pneu não é tão difícil quanto parece à primeira vista.

A empresa não divulgou muitos dados técnicos da moto, mas ainda assim afirmou que o motor ‘sem cubos’ pode gerar 108 cv apresentando um torque de 101,9 kgfm, acelerando de zero a 100 km/h em apenas 4 segundos.

Quanto à autonomia, a Verge TS pode atingir de 200 à 300 km com carga total na bateria e com um quarto de hora de carga, conta com até 100 km de autonomia.

Sendo o primeiro motor integrado da indústria de motocicletas que não emprega correntes, nem óleos e com manutenção mínima, a Verge TS certamente é, um modelo muito interessante, se pensarmos no longo prazo, para uma boa moto elétrica e pode funcionar também como inspiração para outros fabricantes.

A TS deverá ser vendida por 24.999 euros (pouco mais de R$ 104.000 numa conversão direta) com entregas previstas no próximo ano para o mercado de europeu.

 

 

MundoZ! Carros & Motos
Author: MundoZ! Carros & Motos
Se você gostou do nosso artigo curta, compartilhe com seus amigos. Isso nos ajuda a continuar criando matérias interessantes e conteúdos incríveis para nossos leitores.