Vida e Carreira

Quais os itens de escritório e papelaria a empresa deve fornecer aos funcionários?

Mesmo em regime home office, as empresas devem oferecer todo o suporte para os seus funcionários. Descubra quais artigos de escritório devem ser fornecidos.

A necessidade de mudança para o regime home office gerou muitas dúvidas nos gestores de empresas no mundo todo, uma delas diz respeito à obrigatoriedade de fornecimento de materiais de escritório para os colaboradores.

Em 22 de março de 2020, o presidente da República editou a Medida Provisória nº. 927, uma medida emergencial visando orientar as empresas acerca da conduta durante a crise sanitária. Muito embora sua vigência tenha se encerrado em 19 de julho de 2020, ela trouxe muitas implicações e demandou das empresas a necessidade de organizar a gestão dos colaboradores que permanecem em regime de trabalho à distância.

Veja também

- Tendências de profissão: quais as funções do futuro?
- 7 dicas para aumentar a sua produtividade sem stresse
- 9 acessórios para melhorar o seu escritório em casa

Afinal, será que as empresas precisam fornecer equipamentos, materiais de escritório e papelaria e infraestrutura básica para o trabalho? A resposta é: sim! As empresas devem oferecer todo o suporte para que os colaboradores consigam trabalhar à distância.

Computador e itens de informática

O primeiro item que vem a mente, quando o assunto é trabalho remoto, é o computador.

Para conseguir realizar as atividades à distância é fundamental ter um computador, notebook ou dispositivo que permita a comunicação e execução das tarefas diárias. Em alguns casos, os colaboradores têm usado os equipamentos próprios, entretanto, caberá a empresa, juntamente com o funcionário, entrar em um acordo com relação a esse ponto.

Os equipamentos podem ser emprestados em regime de comodato, mediante contrato específico, conforme orientou a própria MP 927.

Além do computador, pode ser necessário fornecer acessórios como webcam e impressora. A empresa deverá avaliar as necessidades com base no trabalho a ser desenvolvido. Um profissional que trabalha com design, por exemplo, precisa ter um monitor de melhor qualidade.

Mobiliário

Quando se fala em mobiliário, não significa que a empresa seja obrigada a montar uma sala de escritório dentro da casa dos funcionários.

Porém, é fundamental oferecer itens básicos que ajudem na ergonomia e conforto dos colaboradores.

Como exemplo de mobiliário podemos citar cadeiras de escritório e apoios para os pés. Muitos desses itens já estão disponíveis no escritório, mas, em alguns casos, poderá ser interessante comprar novos. Aqui, além de avaliar o orçamento, é importante entender as necessidades de cada funcionário, realizando as adaptações e empréstimos conforme as demandas de cada um.

Itens de papelaria em geral

Muito embora o mundo esteja vivendo uma verdadeira transformação digital, artigos de escritório como agendas de papel, lapiseiras, planners, marcadores de texto e canetas ainda são muito utilizados para a organização das atividades diárias.

Isso porque há quem não abra mão de papelaria para organizar suas obrigações profissionais.

Então, é responsabilidade da empresa fornecer esses artigos aos trabalhadores. O custo de itens de papelaria é baixo e não causa um impacto muito significativo no orçamento da empresa.

Por outro lado, trazem muitos benefícios na organização e favorecem a produtividade. As agendas físicas, por exemplo, ajudam a manter um controle eficiente e trazem a sensação de que o funcionário tem total controle sobre as tarefas.

Os blocos auto adesivos são outro exemplo de produto versátil e que contribui para a organização das tarefas diárias. Eles têm diferentes funções, que vão desde a fixação de lembretes até a organização de tarefas e projetos no método kanban.

As demandas por artigos de escritório e papelaria variam de acordo com as atividades executadas, bem como os desafios que cada profissão traz.

O que a empresa precisa saber é que um profissional bem equipado, organizado e com o suporte necessário para trabalhar, sempre sai na frente, já que o subsídio de bons equipamentos e materiais de trabalho adequados faz com que o desempenho do colaborador melhore muito.

As empresas devem estar atentas à importância da gestão e oferta do suporte necessário para que os seus colaboradores tenham todo o material de trabalho essencial para as atividades, sejam elas em regime híbrido ou home office. Fornecer esses equipamentos contribui para a melhora na produtividade e engajamento, o que favorece o crescimento da empresa. 

RELACIONADO - Para leitores registrados:
Transição de carreira: como saber se é hora de mudar o rumo da vida profissional?

 

...

Author: Henrique Morgani - Colaboração para MundoZ!

Topo