Tecnologia

Quer fazer parte da fase Beta de testes da StarLink?

A empresa conta com permissão da Comissão Federal de Comunicações dos EUA (FCC) para lançar até 30 mil satélites.
Tempo de leitura: 1 minuto
Quer fazer parte da fase Beta de testes da StarLink?

Alguns dias após ter lançado mais de 50 satélites, ElonMusk lança programa para iniciar os testes da banda larga fornecida pela SpaceX.

A empresa já conta com uma rede de mais de 500 satélites StarLink fornecendo banda larga na óbita da Terra, e o próximo passo da SpaceX é avançar com seu programa de testes da internet global. A empresa está agora em busca de pessoas que queiram ajudá-la a testar o sistema na versão beta.

O site da StarLink (www.starlink.com) convida os visitantes a se inscreverem para serem avisados com antecedência quando o sistema estiver disponível em sua região. Logo depois de se inscrever o visitante receberá uma mensagem no e-mail informando que:

"O sistema da StarLink está projetado para oferecer internet banda larga de alta velocidade para os locais do globo onde o acesso é caro, instável ou simplesmente inexistente. Esperamos que os testes privados da fase beta se iniciem no final do primeiro semestre de 2021, que serão seguidos de testes públicos com início nas latitudes mais altas.

Veja Também
O retorno do foguete da SpaceX, que colocou os astronautas da NASA em órbita

O novo lote de satélites StarLink, com 58 unidades, foi lançado no último sábado, dia 13 de junho, fazendo com que com o total de satélites agora seja de 540. Esse número, segundo o CEO da SpaceX é o suficiente para termos uma cobertura básica, sendo que teremos uma cobertura média quando alcançarmos 800 satélites. A empresa conta com permissão da Comissão Federal de Comunicações dos EUA (FCC) para lançar até 30 mil satélites.

A divulgação da fase de beta testes da StarLink vem logo após o presidente da FCC, dizer que haviam grandes dúvidas de que a SpaceX poderia fornecer um bom serviço de banda larga que atendesse aos requisitos do programa americano de subsídios que tem a missão de levar sinal de internet a áreas remotas dos EUA.

E isso se deve ao fato de que o grande problema da banda larga fornecida por redes de satélites apresenta uma latência de centenas de milisegundos, ao passo em que os serviços de banda larga com fio terem uma latência de apenas um ou dois dígitos.

Entretanto, o serviço de internet banda larga da StarLink pode ser bem mais confiável do que as tradicionais redes de satélites de internet tem oferecido. Segundo ElonMusk a empresa está trabalhando para oferecer uma latência a baixo dos 20 milisegundos.

eZoop Tecnologia
Author: eZoop Tecnologia
Se você gostou do nosso artigo curta, compartilhe com seus amigos. Isso nos ajuda a continuar criando matérias interessantes e conteúdos incríveis para nossos leitores.

Gostou desse artigo? Compartilhe com seus amigos.

Topo