MundoZ! Portal de Conteúdo.

Como analisar uma criptomoeda. O que você deve saber antes de investir

Como analisar criptomoedas. Está pensando em investir em moedas virtuais, mas ainda não sabe como analisar uma criptomoeda? Hoje vamos entender como fazer isso.
Tempo de leitura: 5 minutos
Como analisar uma criptomoeda.

Aplicações financeiras é um assunto que tem gerado grande interesse por parte dos brasileiros nos últimos anos. Para se ter uma ideia em março de 2021 o montante de investidores pessoa física, na B3 (Bolsa de Valores de São Paulo) atingiu o recorde de 2,24 milhões. Isso significa 33% a mais em comparação com 2019.

E o investimento em criptomoedas surfou essa onda

Em sintonia com os dados da ferramenta Cointrader Monitor, só em janeiro de 2021, as plataformas brasileiras movimentaram o equivalente a R$ 9,4 bilhões em Bitcoins, a principal criptomoeda do mundo.

Mas, você deve estar se perguntando, como faço para tirar proveito desse mercado? Que proporção do meu patrimônio devo aplicar? Qual é a melhor maneira de analisar criptomoedas para começar a investir? Bem, essas e outras perguntas, vamos responder agora!

 

Como analisar criptomoedas: critérios a serem observados

- Qual é a proposta da moeda?
- É um projeto inovador? Quais as vantagens que ele oferece?
- A cryptomoeda tem um roteiro definido?
- A criptomoeda é de código aberto?
- Quem está desenvolvendo a criptomoeda?
- Como é a comunidade da moeda?
- Qual é o seu valor de mercado?

 

Que o mercado de criptomoedas está crescendo, você já pode ver pelos dados acima. Mas entre milhares de moedas digitais, como escolher a opção mais segura para investir?

Aprender uma maneira para analisar criptomoedas pode ser uma etapa fundamental na escolha de investimentos que possam gerar lucros. A questão é que, para isso, não existe uma fórmula mágica ou uma ferramenta. Então, vejamos os principais passos para você começar nesse negócio.

 

Qual é a proposta da moeda?

No mercado de criptomoedas, a proposta é tudo! Vamos contextualizar: a moeda digital  simboliza uma era de mudanças no jeito como as pessoas usam a tecnologia no meio financeiro.

Isso significa que cada nova criptomoeda é um projeto que, no futuro, pode se tornar um grande ativo.

Explico.  Cada investimento que você faz precisa ser cuidadosamente analisado, porque o objetivo é se posicionar antes, nos projetos mais promissores.

Um bom exemplo de proposta é Bitcoin que propõe liberdade financeira com uma moeda que não precisa de organizações intermediárias, leia-se bancos, para funcionar.

E, ao analisar qual é a proposta de uma criptomoeda, algumas questões precisam ser  respondidas:

 

É um projeto inovador? Quais as vantagens dessa nova cryptomoeda?

Existem outras criptomoedas que propõem uma solução idêntica? E esses outros projetos dão a impressão de serem mais promissores?

 

A cryptomoeda tem um roteiro definido?

Um roteiro de criptomoeda é o planejamento futuro do projeto. É imprescindível  pesquisar para ter certeza de que, após o lançamento, a equipe do projeto está realmente atenta às etapas subsequentes.

Dessa forma, você poderá identificar se a criptomoeda tem potencial de crescimento, se a previsão é continuar ganhando market share e se vale a pena investir nela.

Se você encontrar uma moeda virtual e não encontrar o seu roteiro, fique atento: cryptos recém-lançados sem planos de continuar crescendo são uma farsa (cyber scam) e certamente resultam na perda do dinheiro investido.

 

A criptomoeda é de código aberto?

Ao começar a pesquisar uma maneira de analisar criptomoedas, é natural  se deparar com  alguns termos específicos do mundo da tecnologia - e o ‘código aberto’ é apenas um deles.

Isso quer dizer que a moeda tem seu arquivo de texto ASCII disponível para o público em geral, ou seja, poderá ser acessado por qualquer pessoa. E isso é uma coisa boa.

Na prática, a probabilidade de acessar o código de uma criptomoeda é interessante para que você possa verificar o que está acontecendo com o desenvolvimento do cryptoativo, se está sendo trabalhado e se recebe atualizações constantes.

Além disso, você também poderá identificar os profissionais envolvidos no projeto (tanto no código aberto quanto no site oficial do projeto). E essa é a nossa próxima dica sobre a análise de criptomoedas.

 

Quem está desenvolvendo a criptomoeda?

Um bom projeto requer uma equipe certificada em seu desenvolvimento. Portanto, conhecer a equipe que está por trás do projeto é muito importante.

Não é difícil encontrar este tipo de informação, geralmente, no site oficial da moeda você pode verificar não somente os nomes, mas também as profissões, certificados e experiência dos desenvolvedores.

Às vezes, você pode encontrar gente que já é conhecida do público no desenvolvimento do projeto. Isso, apesar de não ser um critério eliminatório, é um bom indicador de credibilidade.

 

Como é a comunidade da moeda?

Outro ponto importante na análise de uma criptomoeda é descobrir como está a comunidade do projeto.

É preferível investir em moedas que tenham uma comunidade maior, ativa e engajada. Se algum dos pontos mencionados acima não parecer tão claro durante a sua análise, uma coisa a fazer é saber mais sobre o comportamento dessa comunidade: as pessoas parecem motivadas, entusiasmadas? Você conseguiu mais informações com os participantes dessa comunidade? Eles  estão falando sobre o futuro do projeto?

Esses são bons indicativos de que o investimento pode valer a pena.

Você também pode aprender mais sobre o investimento e a análise de criptomoedas com o curso Segredos do Bitcoin. Nele, você aprenderá alguns passos fundamentais para aumentar o valor de seu investimento, fazendo as escolhas adequadas.

 

Qual é o valor de mercado da cryptomoeda?

Por último, mas não menos importante, analisar o valor de mercado da criptomoeda também é um ponto-chave. Antes de investir, veja as informações sobre o valor de mercado (capitalização) da moeda virtual.

Em geral, criptomoedas com alto valor de mercado são as que têm mais dinheiro investido, portanto, são mais conhecidas, relevantes e, às vezes, mais seguras.

Claro, isso não significa que o valor de uma moeda não possa cair - afinal, uma das maiores características do mercado de criptomoedas é justamente a volatilidade.

Mas uma criptomoeda com uma capitalização decente dificilmente chegará a zero em questão de horas (a menos que haja uma grande falha no projeto), o que evita a perda total do patrimônio investido.

Portanto, para começar a investir, busque moedas virtuais que tenham bom valor de mercado e boa liquidez para evitar correr riscos desnecessários.

 

Quanto custa para se posicionar na criptomoeda?

Depois de já ter investigado tudo sobre a criptomoeda ainda resta uma pergunta chave:

Quanto devo investir numa cryptomoeda?

A verdade é que as moedas digitais estão surfando um período de valorização exponencial, e tudo indica que isso muitas vezes é apenas o começo de um mercado que veio para ficar.

Mas mesmo assim, o ideal é começar com investimentos de menor valor para entender melhor o mercado, testar e identificar os riscos e oportunidades desta nova categoria de investimento.

Dito isso, a proporção do patrimônio para especular em criptomoedas dependerá de uma variedade de fatores, mas especialistas em investimentos sugerem exposição limitada a moedas virtuais, ou seja, invista uma pequena parte do seu patrimônio ou da sua reserva financeira.

  

 ...

 

MundoZ! Dinheiro
Author: MundoZ! Dinheiro
As informações de investimento apresentadas nesta página se destinam apenas para fins educacionais. Nós não oferecemos serviços de consultoria ou corretagem e nem recomendamos ou aconselhamos investidores a comprar ou vender qualquer tipo de ativo.