Cinema

Por que Killmonger de 'Pantera Negra' é um dos melhores vilões da Marvel

As melhores produções de super-heróis quase sempre são definidas por seus vilões e não pelos heróis.
Tempo de leitura: 5 minutos.
Por que Killmonger de 'Pantera Negra' é um dos melhores vilõe

Imagine o Coringa de Cavaleiro das Trevas, Doutor Octopus de Homem-Aranha 2 e Obadiah Stane em Homem de Ferro - o que todos eles têm em comum? Certamente não é o desejo de destruir o mundo. Todos eles têm pequenas ambições, mas que vão um pouco mais além de apenas criar um obstáculo para o herói - eles o forçam a repensar toda a sua existência. O Coringa mostra para Batman que Gotham realmente precisa de políticos melhores, muito além do que apenas um vigilante usando uma fantasia de morcego, Doutor Octopus faz Peter Parker questionar se ele realmente tem direito a ter duas vidas distintas e Obadiah Stane faz Tony Stark entender que você não pode ser um super-herói nas horas vagas e um homem de negócios da oito da manhã às seis da tarde.      

As ações dos vilões ajudam a melhorar o caráter e a percepção dos heróis quando expõe suas fraquezas, oferecendo uma perspectiva perigosa sobre o que pode dar errado se o herói se recusar a sair de sua zona de conforto, e é exatamente isso que o vilão de Pantera Negra, Killmonger, faz ao confrontar o Rei T'Challa.

No início de Pantera Negra, T'Challa não é um herói, e isso não é nenhum segredo - se olharmos mais deperto dá até para notar algumas semelhanças entre as ideas de T'Challa e Donald Trump. Até mesmo Chadwick Boseman disse sobre seu personagem: “EU sou o inimigo... E este é o inimigo que todos conhecemos. O poder recebido de mão beijada. O privilégio sem preço.”

De fato, antes de Killmonger aparecer e colocar algum bom senso nele, T'Challa está mais do que feliz em manter as portas de Wakanda, seu mundinho encatado, firmemente fechadas. Porque, sempre foi assim, e ninguém quer ser o cara que acaba com séculos de tradição por uma ideia que nunca foi testada (e que ninguém quer ser o primeiro a testar), afinal, você pode acabar bagunçando tudo, e seus pares não vão gostar nada disso.

Mas então Killmonger surge na vidinha toda certinha de T'Challa - e mesmo sendo filho da realeza Wakanda, ainda assim é visto como um estrangeiro. Ele viu no que deu quando Wakanda se recusou a compartilhar sua tecnologia com os necessitados e agora está absolutamente indignado.

Além disso, ainda existe uma incômoda verdade sobre Killmonger, é que sua raiva é plenamente justificada. Ainda que de uma forma estranha, ele se identifica com o público de uma maneira que T'Challa jamais conseguirá. Mesmo sendo americano, cresceu na pobreza e precisou lutar ao longo da vida para conseguir uma fração do que T'Challa ganhou de mão beijada, como herânça.

Killmonger é um vilão extremamente simpático, e se não fosse por toda essa coisa de politicamente correto, muitos de nós estaríamos torcendo por ele. Mas apesar disso, ele propõe uma solução terrível para o dilema que T'Challa enfrenta, o que força o rei deposto a ter que rejeitar tanto o isolacionismo quanto uma revolta sangrenta, e ter que buscar um terceio caminho.

É a violenta intrusão de Killmonger na sociedade ultrapassada que leva T'Challa, e a própria Wakanda, a finalmente se abrir para o mundo e compartilhar seu precioso metal. Não há como negar que Killmonger é a única razão que nos faz gostar de T'Challa, e o personagem é um dos poucos vilões da Marvel que realmente faz algo de útil. De certa forma, ele acaba vencendo, ainda que Wakanda não vá pelo caminho que ele oferece.

Killmonger não é apenas simpático e com ações impactantes, ele é o tipo de vilão que é difícil ser esquecido, além disso o ator Michael B. Jordan dá ao personagem uma arrogância irônica, e ainda há quem diga que seu carisma supera facilmente resto do elenco.

Agora tente responder rápido, quem é seu o vilão favorito da Marvel? Loki? Abutre? Jeff Goldblum? Quais outros você consegue lembrar? Parace que temos uma certa deficiência até mesmo embaraçosa de vilões decentes na Marvel, e se considerarmos que esta é uma produtora de super-heróis, é de se esperar mais, muito mais. Pantera Negra nos deu um inimigo memorável, que transforma um T'Challa ainda não testado num verdadeiro herói, digno do título.

Seria interessante termos mais vilões na Marvel como Killmonger, personagens distorcidos mas com quem pudéssemos realmente nos relacionar, com motivações que pudéssemos tanto condenar quanto compreender. Destruir o mundo pode ser uma boa desculpa para uma ótima sequência de luta, mas como sendo a única motivação, é meio enfadonho.

Enquanto Pantera Negra inovou o MCU e ainda quebrou recordes de bilheteria, a maior conquista do filme foi apresentar um vilão cuja morte parece muito mais uma tragédia do que uma vitória do herói.



...

MundoZ! Cinema
Author: MundoZ! Cinema
Se você gostou do nosso artigo curta, compartilhe com seus amigos. Isso nos ajuda a continuar criando matérias interessantes e conteúdos incríveis para nossos leitores.

Topo