• Pesquisar
  • Abrir menu

Construir múltiplas fontes de renda. Será que isso é uma boa ideia?

Qualquer estratégia de criação de riqueza encontrará muita competitividade, você terá que encarar gente que vive e respira aquele negócio todos os dias.
Tempo de leitura: 14 minutos.
Uma chave diurada e brilhante caindo na mão de alguém.

Múltiplas fontes de renda. Veremos algumas das grandes armadilhas escondidas por trás desta filosofia, se liberdade financeira for realmente um dos seus objetivos de vida, então, você vai gostar desse artigo. Agora, tente esquecer tudo o que você já viu sobre criação de fontes de renda. É muito provável que, o que você leu até hoje não seja totalmente verdade. Em tese, tudo parte de uma ideia muito simples e fácil para entender: procure diversificar todos os seus negócios e investimentos, distribuindo-os em muitas fontes de renda que não estejam diretamente ligadas entre elas, de maneira que você jamais dependa exclusivamente de uma única fonte.

Embora pareça fácil na teoria, essa simplicidade toda pode ter problemas implícitos, sobre os quais os especialistas dessa teoria de criação de riqueza não comentam.

Veja também: Renda Extra: 20 Maneiras para ganhar dinheiro em 2021

É claro que precisamos ser imparciais aqui, então, sim, a diversificação de riscos, no modelo mais clássico, tem seu mérito na criação de múltiplas fontes de renda. Como, por exemplo, basta você construir um portfólio diversificado, sem que haja dependência direta entre os ativos e seu risco naturalmente estará minimizado, propiciando uma base de riqueza mais sólida e estável.

E essa lógica parece válida, uma vez em que um portfólio internacional de ações não deve, necessariamente ser afetado por uma crise no setor imobiliário que acontece no Brasil, que por sua vez não deverá sofrer nenhum abalo caso seus dividendos sejam reduzidos a pó ou mesmo que a sua empresa quebre. Cada fonte de receita seria totalmente independente uma da outra.

A questão é que, na prática, a 'teoria é outra'.

O principal entrave aqui não está na fórmula, mas na implementação dela. Construir uma fonte de renda estável e segura que possibilite ter um bom padrão de vida com liberdade financeira já é um desafio quase hercúleo, agora imagine construir muitas fontes de renda.

Então, você pode questionar: Será mesmo que esse obstáculo seria tão grande assim?

Na verdade, não, isso porque se, individualmente, cada uma das fontes de receita não se mostrarem plenamente satisfatórias para que você tenha um bom padrão de vida, aliado com liberdade financeira, então, toda a teoria que envolve gestão de risco acaba indo pelo ralo. Restando uma aplicação nula da gestão de risco, e não a aplicação estratégica da ideia de gestão de risco. Não acha que melhor seria ter uma fonte de renda segura do que apenas uma miragem deslumbrante dela?

Logo você vai entender.

A teoria de você diversificar todo o seu patrimônio construindo muitas fontes de renda, conseguindo administrar com sucesso todas elas simultâneamente é um cenário que muito poucos conseguem criar. E a questão ê: VOCÊ é uma dessas pessoas?

Procurando entender a teoria das múltiplas fontes de renda.

Basicamente temos três segmentos bem estratégicos onde podemos construir muitas fontes de renda:

1- Setor imobiliário - imóveis físicos ou mesmo FIIs (Fundos de Investimento Imobiliário);
2- Mercado de ações;
3- E o seu próprio negócio.

Aqui temos as três classes de ativos mais comuns quando pretendermos criar fontes de riqueza e renda.

Sendo que cada uma dessas classes de ativos pode ser ramificada com estratégias diferentes. Como, por exemplo, imóveis podem ser usados em 'modalidades' de aquisição e venda ou mesmo aluguel. Já em negócio próprio podemos adotar inúmeras estratégias, empresas focadas no mercado digital, lojas de varejo e até mesmo propriedade intelectual, etc.

Segundo a teoria de múltiplas fontes de renda, a meta seria construir receita residual em muitas dessas ramificações, cada uma delas deveria render os recursos necessários para bancar o seu estilo de vida e sua liberdade financeira.

Perfeito, funciona como um relógio suíço.

Visualize todas as múltiplas fontes de renda que você criou fluindo como uma linda cascata de prosperidade sem fim. E você nem mesmo precisaria se preocupar caso uma dessas fontes acabasse, isso porque, você teria muitas outras, plenamente fluindo. Seu estilo de vida estaria assegurado, o que permitiria a você ter a vida dos sonhos, com a qual muitos apenas viveriam sonhando. Eu mal posso esperar para criar minhas fontes de renda diversificadas…

Mas será que realmente existe algum problema com a teoria da criação de múltiplas fontes de renda?

Sim, existe. E o que parece ser um conceito fácil de aplicar, pode ser apenas mais uma meia-verdade perigosa. E sabemos que uma meia-verdade costuma ser a pior das mentiras.

Temos questões implícitas nessa teoria que acabam criando grandes problemas na vida financeira e obviamente, também na vida pessoal, que permanecem escondidos até que saltem aos olhos quando tentamos aplicar o conceito de múltiplas fontes de renda na vida real.

Vejamos dois cenários criados pelo conceito de múltiplas fontes de renda:

Cenário 1:

Este é um mundo extremamente competitivo que passa por mudanças rápidas e impiedosas com os mais fracos, leia-se, os despreparados. Os mercados têm se tornado reduto de especialistas, e isso se deve a difusão exponencial do conhecimento, o que exige habilidades cada vez mais especializadas para que possamos competir com alguma chance nesses mercados. Competir de forma bem-sucedida em muitas áreas simultaneamente, torna-se humanamente impossível, dado ao nível de especialização exigido e à complexidade encontrada no atual cenário global de negócios.

Cenário 2:

A sua matéria-prima mais cara é também a mais escassa de todas, o que te leva a um problema quase insolúvel quando se vir diante da tarefa de ter que implementar tantas estratégias de negócios de forma simultânea, enquanto precisa equilibrar suas necessidades familiares, de saúde, espirituais, seus relacionamentos e tudo o mais. Estamos falando do seu tempo de vida.

Então, será que você realmente está a fim de desperdiçar o tempo limitado que tem administrando múltiplas fontes de renda?

O cenário ideal.

Sucesso financeiro deve ser resultado do foco num objetivo específico, e a felicidade é o produto de uma vida pessoal e profissional equilibradas. Esses dois fatores são pilares principais, o problema é que a teoria das múltiplas fontes de renda se opõe à estes pilares.

O conceito de múltiplas fontes de renda acaba por causar uma dispersão do seu poder de fogo que ao invés de ter uma probabilidade maior de atingir um ponto central com sucesso, acaba dispersando sua munição. O resultado é que ao atacar muitas frentes ao mesmo tempo, você acaba não atacando nada com eficiência.

E isso pode liquidar você, e seus recursos escassos, tentando dar conta de muitas demandas e tornando sua estrutura de vida: família, amizades e demais negócios num grande malabarismo. Diante disso a única certeza que fica é que algum dos pontos dessa estrutura sairá abalado e provavelmente você será o mais afetado por isso.

Mas afinal, a teoria de que múltiplas fontes de renda realmente precisam estar na sua estratégia de criação de riqueza é boa ou não?

Vejamos algumas considerações:

A criação de múltiplas fontes de renda pode não ser o caminho adequado para todo mundo. Uma vez em que as habilidades requeridas, assim como a disponibilidade de tempo aumentam a cada nova frente que você abre.

Algumas questões que se deve considerar ao iniciar um projeto de múltiplas fontes de renda:

1- Você tem o domínio dos princípios da alavancagem do tempo e do emprego de soluções tecnológicas para poder gerenciar toda a complexidade em administrar múltiplas fontes de renda?

2- Você tem expertise para contratar e administrar uma equipe de profissionais que deve gerenciar suas múltiplas fontes de renda, para que não precise fazer isso sozinho?

3- Você já tem know-how em negócios ou em investimento financeiro, que te dê plena segurança para implementar uma estratégia mais complexa e avançada nesses campos?

4- Você já tem habilidades de negociação, experiência nos negócios e o jogo de cintura adequado para competir em muitas áreas de negócios e de investimento de forma simultânea?

5- Você conta com uma equipe de profissionais com quem se aconselhar a cerca das muitas questões jurídicas e financeiras que existem no gerenciamento de múltiplas fontes de renda?

6- Várias fontes de renda tem mais importância para você do que a liberdade que pode surgir da criação, bem-sucedida, de uma única fonte de renda?

Pondere sobre essas questões.

Desenvolver múltiplas fontes de renda equivale a dar o start ao seu próprio conglomerado de negócios.

Grandes empresas já apresentaram resultados ruins nessa tarefa, mesmo empregando equipes de profissionais com MBA. Então, o que te faz pensar que você conseguiria resultados melhores?

Qualquer um que pretenda construir múltiplas fontes de renda precisa se fazer essas 6 perguntas.

Cada fonte de renda exige habilidades e conhecimentos muito específicos;
Cada fonte de renda tem uma cultura especial;
Cada fonte de renda exige muito da sua matéria-prima mais preciosa e cara, seu tempo de vida.

Resumindo, existe um tremendo preço que precisa ser pago em cada fonte de renda, e cabe a você apenas, decidir se realmente vale a pena pagar esse preço para ter muitas fontes de renda.

A pior forma para se criar múltiplas fontes de renda.

Existem pessoas fascinadas em jogar o jogo do dinheiro, elas simplesmente adoram isso. Estratégias de investimento e de negócios são muito empolgantes para elas, e encaram o processo de construção de riqueza como uma grande diversão.

Essa gente está sempre disposta a jogar no tabuleiro das múltiplas fontes de renda, porque para elas, este é o movimento mais lógico que existe. Elas são movidas por desafios.

E se você acha que faz parte deste clube seleto, pise com cuidado neste campo, isso porque há uma forma correta e outra totalmente equivocada para se construir múltiplas fontes de renda num projeto de criação de riqueza.

E a forma errada é, estando muito motivado, abrir uma nova empresa, iniciar seus investimentos no mercado de ações e ainda adquirir seu primeiro imóvel de aluguel, tudo na mesma época.

Isso seria o mesmo que você tentar voar antes mesmo de conseguir ficar em pé.

Assumir riscos de maneira imprudente, querer entrar na competição em segmentos de mercado onde você não detém expertise suficiente e pulverizar seus recursos, definitivamente não é uma estratégia de negócios muito inteligente. Este não é o caminho para o sucesso financeiro.

Não é que não possa ser feito, na verdade, pode. Mas também não se iluda, acreditando que isso pode ser facilmente viabilizado por qualquer um, porque não é.

Este não é um jogo fácil de se jogar, e mesmo não sendo bem-sucedido, você ainda vai pagar o preço.

Absolutamente qualquer estratégia de criação de riqueza é extremamente competitiva, você precisará encarar gente que vive e respira o negócio dentro daquele segmento de fonte de renda há anos.

Em virtude da grande complexidade envolvida nas áreas para ganhar dinheiro e gerar renda, não seria surpresa se uma pessoa gastasse a vida toda em estudos para adquirir o conhecimento necessário para atuar com desenvoltura em qualquer segmento.

De uma coisa podemos ter certeza, inciar empreendimentos em todas essas três áreas ao mesmo tempo, é pedir por problemas. Criação de riqueza através de múltiplas fontes de renda é um jogo complicado, existe um preço a ser pago para se atingir o sucesso por este caminho.

A melhor forma para se construir múltiplas fontes de renda.

Se você está pensando em construir muitas fontes de renda, seria interessante ter um sistema que te ajude nessa missão, um passo a passo, para aumentar as chances de sucesso dessa empreitada.

Passo 1: Atinja o pleno domínio da sua primeira fonte de renda.

Você pode iniciar com uma atividade pela qual você tenha grande paixão e aptidão, para alguns, pode ser o mercado de ações, já para outros, pode ser abrir a própria empresa.

Não importa, desde que sua primeira fonte de renda seja motivadora, algo que te faça saltar da cama pela manhã e que cause empolgação suficiente a ponto de te levar para casa já tarde da noite se for preciso. Algo que você faria mesmo que não ganhasse dinheiro algum com isso.

E por quê precisa ser assim? Porque seu primeiro projeto certamente também será o mais difícil e demorado.

É neste ponto onde você vai construir o seu networking, e sua equipe de trabalho, onde você vai angariar as habilidades necessárias que serão aplicadas em todos os outros projetos para criação de fontes de renda, transpondo seus próprios obstáculos e superando crenças limitantes. É onde você vai criar o fluxo de caixa que permitira a você literalmente sair da 'corrida dos ratos'.

Seu primeiro projeto para criar uma fonte de renda provavelmente também será a fase em que você levará suas piores pancadas. E desta forma, optando por uma atividade pela qual você tenha profunda paixão e grande expertise, suas chances de se sair vitorioso aumentam significativamente.

Este primeiro projeto de criação de uma fonte de renda lhe dará a oportunidade para desenvolver as competências vitais que você empregará na criação de suas outras fontes de renda.

Passo 2: Criando os procedimentos sistematizados no seu primeiro projeto de fonte de renda.

Após ter conseguido pleno domínio da sua primeira fonte, chegou o momento de transformar o que você aprendeu num sistema que possa ser replicado em seus próximos projetos. Isso fará com que você não precise dispor de tanto tempo e energia quando estiver implementando suas novas fontes de renda.

A criação de processos sistematizados se dá a partir da aplicação do conceito de alavancagem do tempo, que é onde você cria suas equipes de colaboradores, e a alavancagem tecnológica ocorre quando você já tem o domínio de ferramentas digitais para auxiliar nos processos repetitivos de controle e gestão.

Ao controlar habilidades de sistematização seu primeiro projeto bem-sucedido poderá funcionar quase que em piloto automático, não exigindo muito do seu tempo. Dessa forma você gera renda passiva e um novo fluxo de caixa.

Passo 3: A alavancagem de recursos visando a criação de novos projetos de renda.

Quando você já tiver sistematizado seu primeiro projeto de fonte de renda passiva sem que haja envolvimento direto de sua parte, então, você encontrará mais tempo e energia para construir múltiplas fontes de renda.

Esse processo vai gerar novas fontes de receita que poderão alavancar ainda mais suas habilidades, o conhecimento e a rede criados durante o seu primeiro projeto de renda. Dessa forma você não precisará começar do zero em cada novo projeto. E esse é um ponto-chave dessa equação.

Imagine, um profissional de marketing que já atingiu o sucesso e que resolveu aproveitar as habilidades de marketing que angariou, assim como sua rede de contatos e toda a gama de informação que já armazenou para criar uma fonte de renda passiva, comercializando novos mix de produtos sem precisar empregar o mesmo esforço exigido no início de sua carreira.

Olhe com atenção! Há um padrão aqui, e ele pode ser replicado.

A lógica disso é que você pode desenvolver muitas fontes de renda, aprendendo habilidades essenciais e posteriormente empregando essas mesmas habilidades na criação de fontes de renda adicionais.

Você pode analisar a história de muitas pessoas que tenham alcançado o sucesso em muitas fontes de renda para se certificar de que eles não infringiram a regra de aprender a ficar pé antes de aprender a voar. Pode haver exceções? Claro, mas geralmente, jogadores de nível 'WorldClass', constroem seu primeiro sucesso num projeto pelo qual eram simplesmente apaixonados. E só depois de terem atingido sucesso numa fonte de renda é que eles escalaram seus recursos para múltiplas fontes de renda.

Usar outra abordagem na tentativa de criar múltiplas fontes de renda é desperdiçar um dos maiores benefícios que obtemos ao criar fontes de renda: a alavancagem dos recursos disponíveis.

No mercado corporativo de fusões empresariais, esse método é chamado de 'eficiência operacional', onde se aplica menos esforço para administrar as novas fontes de renda e isso se dá porque todas as novas fontes de renda são desenvolvidas sobre os mesmos fundamentos que já foram empregados e comprovaram sua eficácia.

Ao tentar construir muitas fontes de renda ao mesmo tempo, você acaba criando uma tremenda confusão ao invés de potencializar seus resultados, e isto acontece simplesmente porque você não conta com os recursos básicos ao seu dispor. A questão central aqui é que existem duas formas para se criar fontes de renda, uma forma correta e outra errada.

Então, a pergunta é: alguém deveria mesmo se empenhar para construir múltiplas fontes de renda?

O grande benefício em se ter múltiplas fontes de renda está na solides de termos um fluxo de renda proveniente de fontes totalmente independentes.

Será que existiriam outras formas para criarmos fontes de renda de uma maneira mais simples?

Quanta solides financeira você precisaria para continuar crescendo através do reinvestimento dos lucros obtidos com sua renda atual? Certamente uma fonte de renda que gere mais lucro do que gastos faria grande diferença.

Uma opção seria ter alguns apartamentos, muito bem localizados, todos alugados. Para alguns esse cenário é perfeitamente exequível, afinal, é um tipo de negócio que não exige nem mesmo muito preparo, qualquer um pode dar conta de administrar algo assim. Além de ser uma fonte de renda extremamente segura.

Já para aqueles cujo grande objetivo na vida é apenas ter liberdade de tempo, seria perfeitamente admissível esquecer toda essa história de muitas fontes de renda. Isso porque, eles simplesmente não conseguem ver nada de interessante num cenário tão complicado quanto este, das tais múltiplas fontes de renda.

Quando se lançar à missão de criar um sistema de criação de riqueza, você realmente deveria dar uma atenção especial à estes pontos. Isso ajudaria a criar sua rota na tentativa de obter liberdade financeira.

Seria mais interessante tocar um projeto da forma certa ou ficar se debatendo ao tentar colocar nos trilhos muitas iniciativas de fonte de renda? Você precisa se perguntar o que tem mais peso em sua vida, sua felicidade e família ou mais uma fonte de renda?

Quais são as suas vantagens e quais as suas perdas com isso?

Concluindo.

A construção de muitas fontes de renda é um caminho de criação de riqueza que vem acompanhado por vantagens e desvantagens.

Sendo que a melhor vantagem, com muitas fontes de renda é que se cria a possibilidade para diversificar a renda em receitas que não estão interligadas. Se por acaso alguma coisa não sair como o esperado, seu padrão de vida e sua liberdade financeira não são afetados.

Há ainda a vantagem que, muitas fontes de receita propiciam que se utilize recursos já existentes na criação de receita adicional, embora isso só seja possível se toda essa estratégia tiver sido implementada da forma correta.

A grande desvantagem em se ter muitas fontes de renda é a de ter que administrar tantos problemas, o que certamente poderia complicar as coisas, caso você esteja com seus recursos escassos, além de produzir muita distração e caos em sua vida. Isto realmente seria a negação do verdadeiro sucesso.

O caminho mais adequado é obter sucesso com apenas um projeto de fonte de renda inicialmente. Na sequência, quando tudo estiver rodando de forma sincronizada, aí sim você trabalha para criar novas fontes de renda, usando os recursos angariados no primeiro projeto.

É melhor estar plenamente concentrado na construção de uma fonte de renda sólida, do que ter que usar de malabarismos para controlar todo o ruído proveniente da administração de muitos projetos ao mesmo tempo.

Estruture bem a sua primeira fonte de renda, e na sequência use essa experiência para construir outras fontes, se esta é uma de suas grandes missões de vida.

Alternativamente, também é possível esquecer todo esse conceito de muitas fontes de renda e apenas aproveitar toda a liberdade financeira oriunda do seu primeiro projeto bem-sucedido.

A paz de espírito e tranquilidade são as verdadeiras riquezas do homem, e estes devem ser seus objetivos mais urgentes, múltiplas fontes de renda podem agir como complicação no caminho que devemos trilhar na busca pela liberdade financeira.

Este artigo foi inspirado no original em inglês que você pode ler aqui.


...

Redação MundoZ!
Author: Redação MundoZ!
Se você gostou do nosso artigo curta, compartilhe com seus amigos. Isso nos ajuda a continuar criando matérias interessantes e conteúdos incríveis para nossos leitores.