Empreendedorismo

Como abrir uma empresa

Abrir uma empresa parece algo difícil mas você verá neste artigo que é mais fácil do que parece.
Tempo de leitura: 4 minutos

Nunca foi uma das tarefas mais fáceis abrir uma empresa no Brasil, um dos países mais burocráticos do mundo, por isso seria muito interessante poder começar com algumas dicas que podem tornar essa tarefa, não mais fácil, mas bem menos árdua.

O que veremos neste artigo:

ESTRATÉGIA

1. Expectativas realistas, tenha os pés no chão
2. Uma estrutura otimizada, enxuta
3. Saiba usar o que o mercado dá de graça
4. Não entre na guerra de preços
5. Faça boas parcerias
6. Experiência é algo que se adquire na prática

QUESTÕES BUROCRÁTICAS

1- Tenha uma assessoria contábil
2- O contrato social
3- O registro na junta comercial
3.1 O alvará de localização e funcionamento
4- A inscrição estadual
5- As licenças e inscrições em órgãos de regulação do estado e da cidade
5.1- Licença ambiental
5.2- A licença sanitária
5.3- Cumprimento das normas de segurança - vistoria

COMEÇANDO COM A ESTRATÉGIA

A ideia aqui é fornecer conceitos importantes para ajudar a vencer a fase mais crítica dos primeiros 3 anos de vida de uma empresa, então elaboramos 6 sugestões de estratégia para ajudar nossos leitores sobre como iniciar um negócio.

Mas antes de começarmos queremos agradecer ao pessoal do MarkupEmpresa, que nos ajudou a produzir esse artigo sobre como abrir uma empresa. MarkupEmpresa é o sistema de gestão mais rápido de implantar e fácil de operar numa micro empresa ou MEI (Micro Empreendedor Individual).

1. Expectativas realistas, tenha os pés no chão

Muita gente ao iniciar um negócio logo de cara se pergunta: como eu consigo meu primeiro pagamento da maneira mais rápida? Um ótimo 'conselho' é que você deve antes de mais nada, focar em como criar uma empresa que de fato tenha sucesso. Ainda que esta empresa não seja tudo aquilo que você sonhou para sua carreira. Depois que essa primeira iniciativa estiver consolidada e dando frutos, aí então é a hora de correr atrás de seu grande sonho.

2. Uma estrutura otimizada, enxuta

Começar com uma estrutura pequena é o melhor caminho, nada de empolgação para querer estabelecer uma estrutura enorme que certamente seria maior do que você realmente precisa, ou pior ainda, maior do que você pode manter. No começo a melhor estratégia é você produzir ao máximo com o mínimo de custo possível.

3. Saiba usar o que o mercado dá de graça

A redes sociais, além de uma infinidade de sites na internet podem ajudar empresas iniciantes a fazer marketing de forma muito barata atraindo muitos clientes, basta usar o Facebook com criatividade.

Veja Também:
Uma tecnologia que simplifica a vida dos donos de pequenas empresas

4. Não entre na guerra de preços

Uma tática muito usada por empresários que querem entrar no mercado é negociar preço, isso acaba minando a saúde financeira da empresa de maneira que na primeira retração do mercado não consiga se manter até as vendas voltarem a subir.

Você pode até oferecer descontos, mas nunca deve negociar preço, a atitude mais correta é entender como seus concorrentes trabalham, quais são os hábitos de compra dos consumidores de seu nicho de mercado, e a partir daí elaborar uma proposta que tenha potencial para fazer frente a players muito mais antigos do mercado, e ao mesmo tempo que possa suprir a demanda existente.

Neste caso você poderá até mesmo ter preços maiores que seus concorrentes mais fortes, e ainda assim ganhar clientes que verão logo que sua empresa tem a melhor proposta.

5. Faça boas parcerias

Uma grande regra do mercado é: tenha bons parceiros para poder ajudar a suprir as necessidades que seus clientes tem, mas que você, especificamente, não poderia atender, essa é a hora de indicar um parceiro de negócios, ou ainda terceirizar uma tarefa, isso acaba criando uma via de mão dupla, porque afinal ninguém pode fazer tudo para todo mundo, todos precisamos de um círculo de relacionamento.

6. Experiência é algo que se adquire na prática

Você pode ler muito, fazer todos os cursos que puder, tudo isso ajudará na hora de administrar sua empresa, mas a verdade é que nada substituirá a vivência diária, testando fórmulas, entre erros e acertos você encontrará o SEU jeito de fazer a coisa acontecer.


QUESTÕES BUROCRÁTICAS

Como abrir uma empresa e trazer seu grande sonho para o mundo real. 

Quem nunca sonhou em abrir uma empresa, ser dono do próprio negócio e ter a liberdade de tomar todas as decisões, sem ter que prestar contas a ninguém? Para muitos isso já é um sonho, já para outros é algo totalmente distante da realidade, afinal todas aquelas taxas e impostos e registros, a má e velha burocracia brasileira. Mas calma, nada de pânico, vamos te mostrar todas as etapas para você começar a concretizar seu sonho.

Ainda neste artigo: os principais passos para abrir uma empresa.

1- Tenha uma assessoria contábil
2- O contrato social
3- O registro na junta comercial
3.1 O alvará de localização e funcionamento
4- A inscrição estadual
5- As licenças e inscrições em órgãos de regulação do estado e da cidade
5.1- Licença ambiental
5.2- A licença sanitária
5.3- Cumprimento das normas de segurança - vistoria

Abrir uma empresa tendo todas as informações corretas, vontade de fazer, foco e muita organização você verá que é mais fácil do que você imaginou esse tempo todo.

Mas afinal, qual é o custo para abrir uma empresa no Brasil?

Com base nos dados fornecidos pela Firjan, a média de valor para abrir uma empresa, a formalização de um negócio, é de R$ 2.100,00 podendo apresentar uma variação da ordem de 270%, dependendo da cidade onde o empreendedor está localizado.

Entretanto existem gastos indiretos que acabam incidindo sobre esse valor médio na hora de abrir uma empresa:

Aluguel;
Reforma da estrutura comercial;
Taxas de contabilidade;

Itens que geralmente aparecem antes da empresa apresentar qualquer faturamento. E sobre a questão do ponto comercial onde você pretende abrir uma empresa é importante que este já esteja montado antes do inicio das atividades da empresa, durante a fase de registro. Deve-se ter isso em mente pois a política de zoneamento do município pode inviabilizar certos tipos de empreendimento em alguns locais da cidade, além disso as ações de fiscalização dos bombeiros e da vigilância sanitária costumam ser realizadas justamente na fase de regsitro e abertura da empresa, só depois disso é que o alvará de funcionamento poderá ser liberado.

MarkupEmpresa. Controle financeiro com integração entre os módulos. Mais resultado, menos trabalho.

Quais os documentos exigidos para abrir uma empresa?

A primeira fase para abrir uma empresa e tirar os planos do papel é justamente a formalização do negócio e você deve ter atenção redobrada com as inscrições, licenças e todos os alvarás exigidos. Depois de ter obtido seu Cadastro Nacional de Pessoas Jurídica - CNPJ - e ter sua inscrição na Previdência Social ainda existe uma relação de registros, licenças e alvarás do município e do estado que a empresa vai precisar para poder operar dentro da normalidade.

Qualquer item dessa documentação que faltar poderá causar atrasos no seu cronograma para abrir uma empresa, e mesmo inviabilizar o começo das atividades da sua empresa. É interessante ter em mente que para cada segmento de atividade comercial ou forma de constituição de uma empresa são exigidas autorizações diferentes. O estado e a cidade onde você pretende abrir a empresa podem requerer inscrições bem específicas, então, evite perder tempo e dinheiro e contrate uma assessoria contábil que tenha boa reputação e expertise com a legislação local.

Aqui temos uma relação de medidas e procedimentos que vão te ajudar na jornada de abrir uma empresa.

1- Tenha uma assessoria contábil quando for abrir uma empresa

O processo de abertura de uma empresa e posteriormente a administração de uma empresa exige uma assessoria especializada, e um profissional de contabilidade é sem dúvidas o seu grande aliado na tarefa de manter as obrigações em dia, com a assessoria deste profissional você também aprenderá muito mais sobre gestão empresarial e administração financeira da sua empresa.

2- O contrato social documento indispensável ao abrir uma empresa

É no contrato social onde são estipuladas a participação de capital de cada sócio da empresa, e também é definida atividade da empresa e seu modelo de funcionamento. A próxima etapa é se certificar de que o nome e o objeto social da nova empresa estão disponíveis para a elaboração do contrato social que precisa ainda ser registrado em cartório com firma reconhecida, além de receber a assinatura do advogado da empresa. Importante salientar que antes mesmo de inciar o processo de abertura da empresa é preciso verificar se ela pode se enquadrar no Simples Nacional, para obter redução no pagamento de alíquotas de impostos, simplificando a maneira de recolhimento junto aos órgãos fiscalizadores.

3- Ao abrir uma empresa providencie o registro na junta comercial

Para abrir uma empresa de maneira que ela passe a existir de fato, o primeiro registro necessário é o registro na junta comercial ou mesmo no cartório de pessoas jurídicas do estado. Este registro deve ser obtido antes do recebimento do CNPJ. Contudo este registro não fornece a autorização necessária para que sua empresa possa operar mas é um item importante para dar prosseguimento do processo de abertura. Consulte a existência do nome que você escolheu para o seu negócio e certifique-se de que não existe outra empresa já registrada com ele.

3.1– O alvará de localização e funcionamento para abrir uma empresa

Ele é o documento mais importante fornecido pelo município na ocasião de abrir uma empresa, esta é a autorização que de fato permitirá que sua empresa possa operar de portas abertas e para ter acesso a ele é necessário comprovar junto a prefeitura, que sua empresa detém absolutamente todas as condições exigidas pela legislação para operar na atividade escolhida. Sendo que tais condições podem ter variações dependendo da cidade e estado onde a empresa está instalada.

Uma dica importante: antes mesmo de dar prosseguimento ao pedido de inscrição na junta comercial para abrir uma empresa, deve-se consultar previamente junto a prefeitura se a atividade pretendida de fato pode ser exercida na localização escolhida para a instalação da empresa.

 4– Na hora de abrir uma empresa, veja a inscrição estadual

Grande parte dos estados da federação tem um convênio com a Receita Federal, e isso acaba possibilitando a obtenção da Inscrição Estadual para abrir uma empresa, através da internet juntamente com o Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas - CNPJ - através de um Cadastro Único. Já em outros casos é possível obter a Inscrição Estadual juntamente com o alvará de funcionamento emitido pelo município. Inscrição Estadual também é obrigatória para empresas que operam nos segmentos de comunicação e energia, por exemplo, além de empresas nos setores do comércio, indústria e serviços de transporte intermunicipal e interestadual. Sendo que é justamente a partir da Inscrição Estadual que a empresa obtém o cadastro no ICMS, Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços.

5– As licenças e inscrições em órgãos de regulação do estado e da cidade

Requisitos importantíssimos para a obtenção do alvará de funcionamento são as autorizações dos órgãos de vistoria que tem uma grande variedade e estão condicionadas ao ramo de atividade, local de instalação e também ao porte da empresa.

Sendo que existem atividades empresariais das quais são exigidas autorização das Forças Armadas, assim como as empresas que comercializam ou fabricam artefatos explosivos, bélicos e produtos químicos controlados. Dentre as inscrições e licenças normalmente exigidas, estão:

5.1- Licença ambiental
Fornecida por órgãos do município e do estado (de meio ambiente e no IBAMA). Em geral exigidas das empresas que operam em atividade industrial, de metalurgia, mecânica, têxtil, química, de calçados, além das atividade agropecuárias.

5.2- A licença sanitária
Requerida nos órgãos municipais, estaduais e da união (de vigilância sanitária). Exigida regularmente das empresas que operam nos setores de alimentação, medicamentos e cosméticos.

5.3- Cumprimento das normas de segurança - vistoria
É exercida pelo Corpo de Bombeiros sendo que quase a totalidade das empresas estão sujeitas.

Além das inscrições e licenças municipais e estaduais, algumas atividades dependem da inscrição em órgãos federais, como o ministério do turismo, ministério da agricultura, pecuária e abastecimento, polícia federal, dentre outros.

Diante de todas essas exigências na hora de abrir uma empresa se torna essencial a contratação de um profissional de contabilidade, sendo o profissional mais adequado para fornecer orientações a cerca de todas as licenças e inscrições que a empresa precisará segundo seu segmento de atividade e demais especificações.

Teste Grátis o MarkupEmpresa por 10 dias. Sem compromisso e sem contrato.

Author: Empreendedorismo

Gostou desse artigo? Compartilhe com seus amigos.

Topo