Empreendedorismo

Construindo uma conexão emocional com o consumidor

Uma conexão emocional surge das experiências positivas vivenciadas com a marca ao longo do tempo.
Tempo de leitura: 5 minutos.

Construindo uma conexão emocional entre o consumidor e a sua marca. Para alcançar um alto nível de engajamento, é preciso fazer com que o consumidor desenvolva uma grande confiança na sua marca a ponto de sentir uma ligação emocional com ela. Mas eu acho que você já sabe disso. Então vamos direto ao ponto:

As pessoas se tornam emocionalmente ligadas a uma marca por uma série de razões:

• A marca representa algo importante para eles;
• A marca é intensa e vibrante. Ela se conecta com as pessoas em vários níveis através de vários sentidos;
• A marca é única;
• A marca é admirável;
• A marca sempre interage com elas. Ela nunca os decepciona;
• A marca os faz sentir-se bem.

Há muitas maneiras inovadoras para alcançar essa conexão emocional, que vão da publicidade e da qualidade do contato na linha de frente com o consumidor às organizações de consumidores que promovem espontaneamente uma certa `adesão`, além dos eventos patrocinados pela empresa.

É especialmente importante garantir que todos os seus funcionários que atuam na linha de frente com o cliente sejam `boy Scouts`, isto é, que estejam plenamente comprometidos com a empresa, úteis, simpáticos, corteses, gentis e alegres.

Acrescente a essa lista uma grande dose de empatia.

Fazer isso, implica na implantação de uma cultura apropriada, baseada em critérios de formação e organização. Lembre-se, bom atendimento é tudo na hora de criar sentimentos positivos, tratar bem as pessoas e resolver seus problemas rapidamente faz toda a diferença.

Em última análise, a conexão emocional virá de experiências positivas compartilhadas com a marca ao longo do tempo. Enquanto isso a confiança é construída de forma sistemática, oferecendo uma garantia incondicional de que uma nova marca desconhecida não possa minar a confiança que seus clientes tem na sua.

Abordagens eficazes e outros fatores que geram lealdade:

• A marca incentiva, frequentemente, mudanças de hábitos (desde que a mudança seja agradável e benéfica e não vá contra a vontade das pessoas).
• A marca encontra maneiras de construir 'valor acumulado' para os clientes ao longo do tempo.

Em seu livro, A Sociedade do Sonho, Rolf Jensen 'projeta' a mudança de uma sociedade da informação para uma sociedade em que sonho e imaginação fértil se tornam os principais fatores de geração de valor. Neste livro, ele identifica seis emoções emergentes baseadas nos mercados:

• Aventura
• Convívio social (amizade, união e amor)
• Dar e receber atenção
• A auto-expressão ("Quem sou eu?")
• Paz de espírito
• Posicionamentos firmes (convicções)

Qualquer marca que busca fidelizar seus clientes criando uma conexão emocional com eles precisa encontrar meios de explorar estes e outros motivos subjacentes. E uma boa maneira para motivar as pessoas é começar com as pequenas atitudes no trato direto com elas. Como mostramos neste artigo onde contamos um pouco da história de um guarda de segurança da DisneyLandia que tem um jeito especial para tratar os visitantes do MagicKingdon: Como fidelizar clientes - Pequenos gestos.

...

 

 

Luis Carlos Weber
Author: Luis Carlos WeberWebsite: https://bit.ly/3eLkTtK
Editor do eZoop! Ceo da MarkupEmpresa Sistema de Gestão. Entusiasta das novas tecnologias. Sempre com um novo projeto na cabeça.

Topo